Artigo de Opinião – #1.União Desportiva de Leiria na “miséria” e perto da descida


O velhinho e glorioso clube da cidade de Leiria (também conhecida por cidade do Liz) encontra-se neste momento em grandes dificuldades. Dificuldades essas são mais sentidas a nível económico. As dificuldades sentem-se mais no pagamento dos salários aos jogadores, cujos já não recebem os seus ordenados faz quatro meses. Consequências disso são as demissões de alguns jogadores como Obradovic e Luís Leal. Também o ex-presidente da SAD do clube leiriense, João Bartolomeu, entregou a carta de demissão, ao fim de 24 anos “à frente” do clube da cidade do Liz. João Bartolomeu disse ainda que lamentava algumas atitudes de jogadores ao serviço do seu clube e que não estaria em causa o direito receber mas sim o não perceberem o estado financeiro do clube em tempos de crise.
Claro que todos estes problemas geram mais problemas, como são os problemas familiares, profissionais ou até os problemas mentais de um jogador ou até outra qualquer pessoa relacionada ou da estrutura interna do clube afectado.
Regressaremos ao mais interessa neste artigo: os problemas (financeiros e de organização) do clube Leiriense.
Aqui situa-se outro clube com o problema que cada vez mais se instala nos clubes de média-baixa categoria, a falta de dinheiros e patrocínios.
Diante disto, só existe razoável no meio de outras tantas que existem. A solução é: um milionário investir “à grande e à francesa” no clube leiriense. O mais provável é vir um Sheik das Arábias e injectar 30 ou 40 milhões na UDL. Exemplo desses investimentos são alguns clubes de e com algum renome: o Paris Saint-Germain da Ligue 1 da França, o Anzhi da 1ª Liga Russa e o Málaga da Liga BBVA da Espanha. Todos estes clubes têm saldo positivo neste momento. O primeiro e o terceiro exemplos encontram-se no primeiro terço da tabela dos seus campeonatos. Só o Anzhi neste momento encontra-se em penúltimo lugar. Toda esta volta para vos explicar que o clube leiriense pode e deveria ser bem utilizado por algum milionário que rentabilizasse tudo. O clube tem tudo a favor: tem estádio (praticamente novo, pouco utilizado, mas tudo ás moscas), boas instalações dentro do próprio estádio, boas localizações, bons campos secundários (como é o exemplo do campo principal actual do clube), etc…
Só faltam mesmo duas coisas: milionários e investimento/organização.
Com tudo isto, espero que o clube não caia com esta crise, que dentro de alguns anos alguém encontre o clube e invista nele e o volte a colocar o clube na ribalta do futebol nacional. E quiçá, no futebol internacional! Também espero que os objectivos definidos na reunião entre os jogadores e o Sindicato dos Jogadores Profissionais de Futebol não avancem. Que não haja o boicote dos jogos por parte dos jogadores. Como Leiriense e em parte, adepto do clube, digo: FORÇA UNIÃO DESPORTIVA DE LEIRIA!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: